sábado, 18 de abril de 2015

AFINAL QUAL É A IGREJA QUE VAI PARA O CÉU?

IGREJA QUE SEGUE A CRISTO X IGREJA APÓSTATA

Prestar contas diariamente, ter metas de arrecadação e produção, receber prêmios, como automóvel, uma moradia melhor, uma posição melhor, de acordo com a produtividade, ou ser punido caso não se cumpra com as metas... 

Por incrível que pareça isto não é uma descrição de uma rotina de uma empresa ou de algum negocio de marketing, mas a rotina interna de varias igrejas, não é algo próprio de uma ou outra denominação, mas sim de muitas denominações, aquilo que deveriam ser instituições sem fins lucrativos, se transformaram em instituições bem lucrativas, com objetivos financeiros e até políticos. 


MAS O QUE QUE É ISSO?

Isso se chama APOSTASIA!
"Mas o Espírito [Santo] expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios; Pela hipocrisia de homens que falam mentiras, tendo cauterizada a sua própria consciência; "  1 Timóteo 4:1
As palavras proféticas de Paulo apontam para um dos sinais do fim dos tempos: a grande apostasia da igreja. O distanciamento da igreja, a noiva  do seu noivo: Jesus.
O distanciamento dos ensinos e praticas de muitas igrejas atuais do verdadeiro ensino e pratica do evangelho de Jesus Cristo comprova a apostasia em que elas se encontram.
Enquanto Jesus Cristo e os apóstolos na Bíblia ensinam aos pastores a apascentar o rebanho de Deus e ensinar as boas novas, a igreja apóstata impõe metas de arrecadação e produção aos seus pastores, enquanto a bíblia ensina aos pastores a servirem as pessoas, a igreja apostata se preocupa como as pessoas podem servir-la, enquanto a bíblia ensina como os pastores devem amar as pessoas, a igreja apóstata exige que seus pastores arrecadem mais e mais das pessoas, enquanto a bíblia ensina que o prêmio do bom serviço a Deus é o galardão no porvir, a igreja apóstata oferece prêmios e galardões agora como automóvel novo, prêmios em dinheiro, títulos,  para os pastores que alcançam suas metas de produtividade. Enquanto os apóstolos ensinam a valorizar as pessoas, a igreja apóstata valoriza os bens materiais e o poder, enquanto a bíblia ensina a honrar aos pastores e presbíteros que tem caráter de Deus e bom testemunho, a igreja apóstata valoriza aos pastores que sabem "tirar boas ofertas" ou cumprir suas metas, enquanto Jesus ensina seus apóstolos que eles devem ser conhecidos pelo amor de uns pelos outros, a igreja apóstata ensina as pessoas que para ser conhecido como de Deus tem que ser RICO.



Óbvio que nenhuma religião sobrevive sem doações, e doa quem quer, é uma questão de crença. Não estou dizendo com isso que todas igrejas que agem desta maneira não são de Deus em sua essência ou são seitas, obvio que muitas são mesmos, mas não podemos generalizar, o fato é que infelizmente  muitas começaram mesmo no Espirito e hoje estão na carne, muitos lideres ungidos por Deus se distanciaram do verdadeiro propósito para o qual foram chamados e se contaminaram com o poder e as riquezas deste mundo. 
Muitos dobraram seus joelhos a baal para fazerem parte de um sistema religioso mundano e ganancioso. Difícil associar suas praticas gananciosas ao evangelho:
Para quê uma igreja precisa comprar um clube de futebol?
Para quê uma igreja precisa ter fazendas com centenas ou milhares de cabeça de gado?
Para quê pastores precisam ter carros importados caríssimos, como um Porsche ou um Camaro ?
Para quê uma igreja precisa ser dona de um banco?
Para quê uma igreja precisar possuir muitas terras?
Como responder essas perguntas acima de forma que se encaixem no verdadeiro proposito da igreja de Jesus, que é pregar o evangelho a toda criatura?
Claro que podemos ouvir coisas do tipo "para ganhar almas se precisa de muito dinheiro", mas onde está escrito isso na bíblia? Qual apostolo foi milionário ou dono de muitas empresas?
Qual apostolo andava no luxo para poder ganhar almas?
Será que os apóstolos não aprenderam com Jesus como fazer a obra de Deus? Ou será que os apóstolos, bispos e pastores de hoje é que sabem mais que eles?
Nada contra um pastor ganhar bem, afinal "o trabalhador é digno do seu salario", tem família pra sustentar, bocas para alimentar. Mas "peraí", andar de Camaro? Morar em mansões? Ganhar salários de R$10 mil, R$20 mil, R$50 mil, R$100 mil mensais, será que não é um pouco exagerado não para alguém que trabalha por amor?



Mas o que que é isso? Isso querido leitor(a) é a realidade dos "pastores" do nosso seculo! A realidade da igreja de Jesus do final dos tempos.
O que fazer com trechos da biblia como:

De fato, a piedade com contentamento é grande fonte de lucro,pois nada trouxemos para este mundo e dele nada podemos levar;por isso, tendo o que comer e com que vestir-nos, estejamos com isso satisfeitos. 1 Timóteo 6:6-8


Creio na misericórdia de Deus!
A parábola das dez virgens cabe muito bem aqui. 
Todas são noivas, pertencem ao noivo, mas apenas as prudentes vão entrar para as bodas, porque conservaram o azeite. 
O azeite representa a comunhão com Deus acima de tudo, a perseverança da pratica do evangelho. As noivas imprudentes não poderão entrar, pelo menos não junto com as prudentes, pois ao voltar para buscar o azeite a porta estará fechada, e a próxima oportunidade será muito depois, somente depois da grande tribulação.
Não importa qual a sua denominação, seu alvo deve ser Cristo.
Somos as noivas prudentes ou imprudentes, somos a igreja apostata ou a igreja que está seguindo a Cristo? Que cada um responda a si mesmo.
A igreja que vai para o céu é a igreja que anda e segue a JESUS e não a um sistema religioso.

"Aquele que está de pé cuide-se para que não caia" corintios 10.12
"Os que querem ficar ricos caem em tentação, em armadilhas e em muitos desejos descontrolados e nocivos, que levam os homens a mergulharem na ruína e na destruição, pois o amor ao dinheiro é raiz de todos os males. Algumas pessoas, por cobiçarem o dinheiro, desviaram-se da fé e se atormentaram a si mesmas com muitos sofrimentos." 1 Timóteo 6:9,10





Nenhum comentário:

Postar um comentário